Início Diretoria
Programação Científica Filie-se Diretrizes Download Contatos  

 
Nomeclatura
Informativos ABOV
Guidelines WSAVA
 

Posicionamento da ABOV sobre a
"Limpeza sem anestesia (anesthesia-free)"


As doenças orais (incluindo a doença periodontal) representam grande parte dos problemas de saúde que afetam cães e gatos no Brasil e no mundo. O exame completo da cavidade oral e tratamento adequado são parte importante dos cuidados de saúde, visando o bem estar animal e qualidade de vida.

A área mais importante que deve ser examinada e higienizada é o sulco gengival, e nos casos graves, as bolsas periodontais. Essa é a área que circunda o dente em todas as suas faces e que deve receber toda a atenção dos profissionais veterinários. A raspagem dentária pode ser realizada com ultrassom odontológico ou mesmo curetas e, por se tratar de materiais cortantes, deve ser realizada com todo o cuidado, até porque a raspagem subgengival pode causar incomodo.

Apesar do paciente humano permitir o trabalho do dentista sem uso de anestesia, o mesmo trabalho não pode ser realizado em animais sem que estes sejam submetidos à anestesia geral, preferentemente acompanhados de um profissional anestesiologista veterinário.

A simples remoção de tártaro visível acima da linha da gengiva não é eficiente e, por mais que seja feita a raspagem subgengival a maioria dos dentes, ainda assim se houver algum ponto de difícil acesso sem higienização, a doença periodontal persistirá. Obviamente que os dentes "brancos" dão a impressão de estarem sadios, criando a falsa sensação de segurança aos tutores, perpetuando problemas que, mais adiante, causarão desconforto ou agravarão o caso.

Muitos problemas orais podem ser diagnosticados durante o exame completo de todas as faces dos dentes, e isto é possível apenas com o paciente anestesiado. Muitas áreas, principalmente a face lingual, não permitem acesso facil e exame detalhado em pacientes acordados. Até aumentos de volume, que podem ser início de desenvolvimento de um cancer oral, são ignorados sem um exame apurado, permitindo que esta doença chegue ao estágio irreversível. Ainda mais, radiografias intra-orais, consideradas ferramenta imprescindível para um diagnóstico correto, são deixadas de lado nos tratamentos denominados anesthesia-free.

A anestesiologia veterinária moderna permite que os pacientes recebam o melhor atendimento. Exames pré-operatórios são pedidos para determinar as condições de cada paciente. Os anestesiologistas elaboram protocolos anestésicos personalizados para cada caso. Todo o procedimento é monitorizado em tempo real. Além de existir a possibilidade do uso de bloqueio anestésico regional (como fazem os dentistas humanos) para aumentar a analgesia e conforto para os pacientes pets durante a anestesia geral.

E quais são os RISCOS dos procedimentos sem anestesia ?

- não permite realizar o exame odontológico completo, sondagem periodontal, exploração dentária ou radiografias;
- não permite a raspagem subgengival, ainda mais de face dentária de difícil acesso (face lingual / palatina);
- os instrumentos afiados podem acabar machucando a gengiva e tecidos orais;
- pode causar desconforto, estresse e até trauma ao paciente;
- exploram o temor dos tutores à anestesia, passando falsa sensação de segurança;
- iludem o cliente com falsa sensação de higiene, retardando a busca por um serviço especializado;
- denominado como "tratamento dentário" sem comprovação científica contradiz a literatura e desrespeita a ciência.

É muito importante salientar que a opinião da ABOV tem base no posicionamento de entidades internacionais como a EVDC (European Veterinary Dental College), EVDS (European Veterinary Dental Society), BVDA (British Veterinary Association), FECAVA (Federation of European Companion Animal Veterinary Associations), AVDC (American Veterinary Dental College) e WSAVA (World Small Animal Veterinary Association), além do respaldo da ciencia e da medicina veterinária baseada em evidencias.

São Paulo, 02 de janeiro de 2019

Dr. Marco Antonio Leon-Roman
Presidente da ABOV
Gestão 2018-2021


Informativo (PDF) sobre os "7 riscos da limpeza dentária sem anestesia em cães e gatos"

Diretrizes do WSAVA - o que é preconizado para odontologia veterinária


 


  Somos parceiros internacionais das principais associações de Odontologia Veterinária